Justiça manda Psafe remover mensagens falsas sobre a concorrência

A desenvolvedora de software PSafe foi proibida pela Justiça de São Paulo de veicular mensagens contra o aplicativo DU Speed Booster, do concorrente Baidu, que classifica o app como “vírus” ou aplicação de “alto risco”. A decisão foi proferida na 11ª Vara de Justiça Cível de São Paulo na segunda-feira (17/8), e o PSafe tem até cinco dias úteis para cumprir a decisão judicial. A sentença também determina que a PSafe “não estimule, de forma direta ou indireta” a remoção de aplicativos do Baidu”.

O Baidu provou que o app PSafe Total emitia alertas falsos sobre o antivírus e acelerador DU Speed Booster, alegando que a aplicação oferece riscos ao usuário. A Justiça entendeu que as mensagens do PSafe não se justificam e devem ser removidas.
A pedido do Baidu, o pesquisador Paulo Lício de Geus, professor associado da Unicamp e doutor em Ciências da Computação pela Universidade de Manchester, comprovando que o app da PSafe tratava qualquer app do Baidu como “poucos usados”, e sugeria aos consumidores que removesse os arquivos.
Anúncios

1 comentário

  1. Everson Ferreira · setembro 5, 2015

    Acho que a Baidu tinha que ter um pouco de semancol antes de processar alguém, mesmo porque esse Du Speed é uma porcaria de um adware

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s